Destaque Geral

Prevenção: Secretaria de Saúde lança Campanha Julho Amarelo no Ceará

No mês de conscientização sobre às hepatites virais, a Secretaria da Saúde do Estado do Ceará, por meio da Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covig), lança a Campanha Julho Amarelo. O objetivo é intensificar a prevenção e o controle das hepatites virais no Estado. Até 26 de Julho, diferentes ações vão ocorrer para mobilizar os profissionais de saúde e a população.No Ceará, a campanha trabalha a prevenção da doença e contará com webpalestras, oficinas, teste rápido para hepatites B e C, entre outras ações, em parceria com a Secretaria Municipal da Saúde de Fortaleza, a Organização da Sociedade Civil dos Portadores de Hepatites Virais e Transplantados e a ONG ABC Vida. O Dia D será no Domingo, 14 de Julho. No Parque do Cocó, das 7h00 às 12h00, haverá ação educativa com distribuição de preservativo, profissionais de saúde orientando a população acerca da doença e imunização contra hepatite B para todas as idades.

Telma Martins é articuladora do Grupo de Trabalho de IST, Aids e Hepatites Virais da Secretaria da Saúde do Ceará. Ela esclarece sobre os perigos de hepatites virais. A doutora Telma Martins alerta que às hepatites B e C podem ser transmitidas de outras formas e a melhor prevenção é a vacinação.

Dra. Telma alerta ainda que quanto mais cedo seja iniciado o tratamento, em caso de hepatite, maiores são às chances de cura. A Dra. Telma Martins fala sobre o tratamento da hepatite no Ceará:

A Campanha Julho Amarelo faz referência ao 28 de julho, data escolhida pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para a celebrar o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais. Este ano, por meio da Lei 13.802, foi instituído julho como mês para chamar atenção da luta contra às hepatites virais, reforçando as iniciativas de vigilância, prevenção e controle do agravo.

Alexandre Lopes – Radialista DRT 5722/CE. Colaboração na Matéria: Assessoria de Imprensa – Governo do Estado do Ceará.