Destaque Geral

SAAE emite Nota de Esclarecimento sobre Barragem de Quixeramobim

A barragem de Quixeramobim teve sua construção iniciada no ano de 1958 e foi concluída em 1960, garantindo em projeto uma capacidade hídrica de 54 milhões de metros cúbicos (m³) de água ao reservatório. Conforme batimetria (estudo técnico feito para verificar a capacidade de reservatórios) realizada pela COGERH no açude, este mesmo reservatório comporta atualmente apenas 7,94 milhões de m³, ou seja 14,7% de sua capacidade total original.A limpeza e manutenção deste reservatório são de competência do Órgão Federal DNOCS (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas), uma autarquia federal, vinculada ao Ministério do Desenvolvimento Regional e com a sede da administração central em Fortaleza. Apesar das constantes avaliações, não houve ainda possibilidade de desassoreamento e implantação de comportas no reservatório por parte do Órgão.

No entanto, apesar desta responsabilidade ser de âmbito federal, o Prefeito Clébio Pavone está realizando projetos que possam garantir a segurança hídrica do município, promovendo a integração entre os entes e os setores competentes para concretizar políticas públicas que otimizem os recursos necessários para restaurar significativamente parte da capacidade original de nossa preciosa barragem, perdida pela deposição de areia, lodo e outros sedimentos do fundo do reservatório, causados pelo desbarrancamento de terra decorrentes de fenômenos naturais ao longo dos últimos 60 anos.

Alexandre Lopes – Radialista Profissional DRT 5722/CE. Pesquisa de Dados da Matéria: Página da Prefeitura de Quixeramobim – Facebook.